Fidel Castro morre e leva consigo a resposta da pergunta, foi herói ou vilão?

Fidel Castro morre aos 90 anos. (Foto: Reuters/Alex Castro/CUBADEBATE)


  Morreu o ditador cubano Fidel Castro aos 90 anos, em Havana. Com certeza amanhã irão pipocar textos linchando e outros enaltecendo Fidel Castro, mas será que algum será imparcial em seus julgamentos e fiel em suas informações? Acho que não.

  Independente de concordar ou não com ele, Fidel foi um dos maiores líderes do século 20. Derrubou outro ditador cubano, Fulgêncio batista, e instalou o seu próprio regime ditatorial em Cuba. Teve apoio da União Soviética, sofreu um imenso embargo econômico por parte do Estados Unidos, foi acusado de perseguir inimigos políticos e só passou o poder ao irmão Raúl Castro quando já não tinha mais condições de saúde para governar.

 O regime socialista

  O regime socialista romântico da década de 60 morre com Fidel também. Enquanto tinha o capital da União Soviética, Cuba tornou-se forte e fez crescer a ideia socialista pelo mundo, já que era visto como um dos maiores líderes contra os EUA e mesmo assim seu país crescia e evoluía. Porém tudo começou a desmoronar com queda da União Soviética no final dos anos 80 e assim o país ficou em um limbo econômico sem tamanho.

  Hoje é visível, até mesmo pelos automóveis que circulam nas ruas, que Cuba parou no tempo e recém está começando a retomar o caminho, graças a queda de parte do embargo econômico imposto pelos EUA.

  Herói ou vilão?

  Fidel foi uma figura polêmica e nunca fez questão de mudar, porém nunca saberemos se o que fez Cuba parar no tempo foi o seu governo ou o embargo econômico. Afinal em plena era de globalização não ter comércio com os EUA e quase certeza da falência, mas como Cuba conseguiu manter-se, apesar de tudo, como um dos melhores pólos de formação médica da América?

  Infelizmente nunca saberemos se Fidel é o símbolo do fracasso socialista ou um dos maiores líderes esquerdistas do mundo, pois toda vez que envolve a batalha entre direita e esquerda a informação é a primeira vítima do ódio ou da paixão. Nunca tivemos notícias imparciais de Cuba, pois era visto ou como um atraso sem tamanho pela direita ou como um sucesso avassalador pela esquerda.

  Fidel morre sem ter tido um julgamento imparcial por parte do mundo e leva com ele a resposta da pergunta, herói ou vilão?
Postar um comentário

Postagens mais visitadas