Roberto Gómez Bolaños, intérprete do Chaves e Chapolim, foi um dos grandes humoristas do século XX


Aos 85 anos morre Roberto Gómez Bolaños, o eterno Chaves. (imagem/forumchaves.com.br)

  Há tantos anos que éramos surpreendidos pelos boatos da morte do eterno Chaves que demoramos a acreditar que fosse verdade. Infelizmente é verdade e o eterno intérprete do garoto pobre e de bom coração morreu aos 85 anos no México.

  Bolaños começou sua carreira depois de desistir da faculdade de engenharia e desde então seu sucesso foi sem tamanho. Chaves é o programa mais visto da televisão mexicana no mundo e foi dublado em 50 idiomas. Aqui no Brasil é sucesso de audiência há 30 anos pelo SBT.

  Os seus personagens apesar de serem da década de 70 permanecem atuais até os dias de hoje. Muitos tipos de humor vieram e se foram, porém o que ele criou é resistente ao tempo de uma forma sem igual. Quem ainda não ri quando assiste os episódios "O desjejum do Chaves" ou então com o "Chaves em Acapulco"??

  O programa foi exibido de 1971 a 1980 e sempre foi um sucesso na TV mexicana.

  Viveu suas últimas 3 décadas de vida casado com a atriz Florinda Meza, a Dona Florinda. E teve 6 filhos de seu primeiro casamento com a escritora Graciela Fernández.

  Mas infelizmente nem tudo foram flores nos bastidores do programa. Duas disputas judiciais, uma com Carlos Vilagrán, o Quico, e outra com Maria Antonieta de Las Nieves, a Chiquinha. Com Vilagrán a disputa foi até o fim e o mesmo perdeu, com Maria a disputa durou alguns anos até entrarem em acordo. Mas até esse acordo Maria teve até problemas de coração devido ao desgaste que a disputa judicial lhe trouxe.

  O próprio ator passou por altos e baixos nos últimos anos. Sua saúde foi se deteriorando com o passar dos anos. Nos últimos tempos vivia com um tubo de oxigênio e praticamente não saia da cama, devido ao estado avançado de seus problemas de saúde.

  O sucesso de Bolaños pode ser comparado ao de Chaplim, que até hoje mantém-se engraçado, porém Chaplim chegou a Hollywood e Bolanõs, apesar de ter sido redator de diversos filmes mexicanos não chegou ao templo do cinema.

  Com certeza o corpo físico de Bolanõs morreu hoje, mas seu legado no humor jamais morrerá. Podem passar várias gerações e ele continuará fazendo sucesso. Pois mesmo com a internet, Chaves continua sendo um dos assuntos mais comentados até hoje e assim será...

Postar um comentário

Postagens mais visitadas