Tentativas de "tapetão" do Vasco e Fluminense mostram a que ponto chegou o futebol no Brasil

 
Vasco e Fluminense envergonham o futebol tentando os famosos "tapetões" (imagem/pequenosvascainos.com)


  Tudo bem que não sou muito fã de futebol, mas respeito o gosto das maioria. Porém creio que até aqueles que gostam do futebol devem estar enojados com as tentativas de reverter quedas para a segunda divisão a qualquer custo.

  Pra começo de conversa é óbvio que nenhum time que jogos bem e se esforçou caiu. Vasco e Fluminense querem agora, através de manobras ridículas, não cair para a segunda divisão do Brasileirão. Eu até concordo que todos tem o direito de tentar, mas querer obter nos tribunais o que não conseguiu com talento e competência dentro de campo é testar a paciência de cada um de nós.

  Primeiro que o Vasco há anos vem sendo vitima de suas péssimas administrações. Achava-se que se Eurico Miranda saísse tudo iria mudar, porém Roberto Dinamite mostrou que não. Segundo que do Fluminense nem dá para falar, pois como pode cair 1 ano depois de ser o campeão Brasileiro?

  Como essas diretorias não conseguiram reverter seus péssimos ao longo desse imenso campeonato de pontos corridos?

  Isso mostra que o futebol é uma empresa e nada mais. Não existe mais respeito com os torcedores por parte das diretorias que só querem saber de lucrar com aquilo que era para seu um esporte. Não que o lucro seja ruim, pois os clubes europeus tem um lucro imenso, mas sem esquecer que para ter esse lucro tem de mostrar um futebol de alta qualidade.

  Aqui no Brasil querem só o lucro, que por sinal irá cair na segunda divisão.

  Presidentes de Vasco e Fluminense, aceitem a sua própria incompetência e comecem a planejar a volta para a primeira divisão já nesse ano, pois em 2013 ficou evidente a falta de habilidade ao agir em momentos de maus resultados. Quem sabe com planejamento tenham um desempenho nem tão medíocre em 2014.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas