Nelson Mandela venceu o racismo legalizado, mas o racismo comportamental quando venceremos?

Nelson Mandela venceu o racismo legalizado, mas o racismo comportamental quando venceremos? (imagem/guardianlv.com)


  Morreu um dos nomes mais importantes na luta pela igualdade, seja ela social ou racial. A luta de Nelson Mandela em seus 95 anos de vida mudou muita coisa no mundo, mas não mudou a forma racista de olharmos a pessoa de uma forma diferente por causa da cor de sua pele.

  Mandela acabou com o "apartheid", que nada mais era que um sistema racista e discriminatório criado por uma minoria branca na África do Sul, e assim ganhou a importância que tem hoje para o mundo. Sua luta o levou a ficar mais de 25 anos preso, porém ao sair da cadeia e virar presidente ele simplesmente lutou por igualdade e não se deixou levar pelo desejo de vingança contra aqueles que lhe perseguiram. Mesmo debilitado continuou sua luta pela igualdade e também contra a AIDS, doença que dizima milhares de sul-africanos por ano.

  Porém mesmo com tudo que fez e mostrou, Mandela não conseguiu mudar a visão racista que ainda temos. Continuamos, mesmo em um país miscigenado que nem o Brasil, pagando salários menores aos negros, dando oportunidade menores (quando damos) as pessoas de cor negra e ainda temos aquela visão de que se é negro e mal vestido pode ter certeza que é bandido.

  Parece que mesmo vivendo 95 anos Mandela apenas começou um trabalho que tem de ser feito não só por pessoas e organizações, mas também pela nossa mente. Hoje com um mundo cada vez mais destruido, notamos que nada de ruim nem de bom, na sociedade, tem a ver com a cor da pele, que não passa de uma embalagem.

  Tanto que é a nossa mente que tem de mudar, que todos nós achamos legal um presidente negro nos EUA, mas no nosso dia dia ainda olhamos para os negros sempre com aquele olhar critico, mesmo que não façam nada de mal para ninguém. Isso é hipocrisia racial, ela existe e é inaceitável. Como pode-se aceitar tranquilamente que em pleno século 21 a pessoa possa ser discriminada por causa da pele ?

  Mas se nos seus 95 anos de vida Nelson Mandela não conseguiu mudar isso, talvez seja a hora de investirmos nas novas gerações e continuarmos seu trabalho. Ensinar aos nossos filhos, desde pequenos, que cor não é nada. Que tem muitas pessoas de cor negra carregando o mundo nas costas e muito branco se achando melhor que os negros destruindo a sociedade só pelo fato de pensar, e muitas vezes, agir de acordo com esse pensamento.

  Tomara que a luta de Nelson Mandela não tenha sido em vão. Tenho esperança que a longo prazo poderemos mudar o mundo.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas