Infelizmente governo pode adiar a obrigatoriedade de ABS e airbag nos carros nacionais para 2016

 
No Brasil ABS e airbag ainda são vistos como opcionais pelos irresponsáveis motoristas (divulgação/Nissan)

  Como já era esperado por muitos, só o bobalhão aqui acreditou, o governo pensa em adiar a obrigatoriedade do airbag e do ABS nos carros nacionais para 2016, mostrando que não está compromissado com a segurança no trânsito. A mudança, de acordo com o governo, seria para evitar desemprego e aumento no preço dos automóveis. Pura balela.

  De acordo com o governo o aumento de preço seria entre 1 mil e 1,5 mil reais, o que visando a importância dos equipamentos não é nada. Sem contar que a pessoa vai comprar um carro de 30 mil reais e vai se importa como 1 mil a mais? Se importa porque é mais um trouxa no trânsito.

  Se o brasileiro tivesse noção dos perigos que corre no trânsito jamais iria comprar um carros sem esses equipamentos, mas como o brasileiro, em matéria de trânsito, é um desastre, o motorista compra rodas de liga leve mas não compra o ABS.

  Quanto ao desemprego digo que estão usando os trabalhadores para chantagear o governo. Pois se uma determinada linha de carros deixa de ser fabricada, outra será feita em seu lugar e irá aproveitar esses funcionários que não serão demitidos. Provavelmente estão iludindo o trabalhador para que pense assim e comova o cego governo.

  Com essa mudança na última hora fica claro que o governo não está muito preocupado com a segurança no trânsito. Junta-se essa despreocupação governamental com a irresponsabilidade dos que compram carros e temos essa centena de mortos vítimas do trânsito.

  Mas isso aqui é Brasil, então tudo funciona ao contrário sempre.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas