Eleição de Nicolas Maduro na Venezuela piorou ainda mais as coisas naquele país

Eleição de Nicolas Maduro dividiu ainda mais a Venezuela (G1)


  A primeira eleição após a morte de Hugo Chavez conseguiu complicar ainda mais a situação política da Venezuela. Com a vitória do chavista Nicolás Maduro em cima do oposicionista Henrique Capriles por apenas 1,5% de diferença a Venezuela já entrou em convulsão devido a evidente divisão que há na sociedade. E dessa vez a maior parte dos protestos parte da população que é de oposição ao regime chavista.

  Protestos por diversos pontos, alguns até violentos, mostram que é questão de tempo para os grupos pró e contra se enfrentarem nas ruas, em uma disputa que não sabemos como terminará.

  Mas a Venezuela vinha enfrentando problemas desde quando Hugo Chavez era vivo. Com uma economia cambaleante, aonde nem os ricos e nem os pobres conseguem sobreviver, e com uma estrutura de poder voltada para o regime, o chavismo já vinha decaindo há muito tempo. O problema é que agora não existe mais Hugo Chavez, que o mantinha o regime a "pau e corda".

  Sem contar que o país pode seguir um caminho ainda mais ditatorial, já que Hugo Chavez encheu-se de poderes não imaginando que tão cedo morreria, e Maduro é um mistério em matéria de comportamento.

  Um presidente poderoso, um país falido e uma nação dividida entre dois caminhos mostram que a Venezuela está longe de ser um pais de todos. como "dizem" ser o nosso.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas