Protestos contra a blogueira cubana Yoani Sánchez expõem a demência da esquerda brasileira

Protestos contra a blogueira cubana Yoani Sánchez expõem a demência da esquerda brasileira (Egi Santana/G1)


  A blogueira Yoani Sánchez foi recebida com protestos na sua chegada ao Brasil. Para quem não sabe a blogueira estava impedida de sair de Cuba porque tem um polêmico blog que denúncia as mazelas da ditadura cubana dos irmão Castro e depois de inúmeros protestos ela conseguiu ser liberada para viajar. Pois não é que mesmo tendo uma atuação fundamental para expor a demência que é o regime cubano ainda tem pessoas que protestam contra ela?

  Na chegada Yoani já foi recebida com cartazes de protesto contra ele e, acreditem, apoio a Cuba. Logo Cuba que é um regime que só se manteve devido ao patrocínio da União Soviética (extinta na década de 1990) e ao extermínio de qualquer pessoa que ameaçasse os planos de Fidel Castro.

  O que me impressiona nisso tudo é a ignorância. Por mais que você seja de esquerda ou de direita, você não pode perder a capacidade de enxergar as coisas. Cuba é hoje uma sombra do que já foi. É um país pobre, aonde só são ricos os aliados do regime, aonde a população vive com uma renda baixíssima e com uma série de serviços precários e nem mesmo a saúde lembra o que já foi no passado.

  Cuba mostra para o mundo como fica um país governado por uma ditadura assassina e cerceadora. Fica atrasado, isolado, sem condições de manter-se por vias democráticas e sem liberdades básicas como o direito de ir e vir.

  Infelizmente a nossa esquerda brasileira não se deu conta que o sonho cubano acabou. Hoje o sonho está tão decrépito como o, infelizmente imortal, Fidel Castro.

  Até quando essa demência vai continuar?

  Parabéns a Yoani que não se deixou ludibriar pelo fácil caminho esquerdista da ditadura e está denunciando os abusos desse regime que um dia há de acabar. Com certeza um dia irá acabar, até porque não há mal que dure para sempre.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas