Funcionárias da Record são demitidas por participarem de clipe de funk. Confira

A Record nega, mas é bem  provável que as demissões tenha sido por causa do clipe (Flávio Ricco/UOL/Reprodução/Youtube)


  De acordo com a coluna de Flávio Ricco, duas funcionárias do departamento de Recursos Humanos, da Rede Record, foram demitidas por terem participado de um clipe de funk.

  A Record nega que as demissões tenham sido causadas por isso, mas no corredores da emissora fala-se que foi sim, por causa do clipe.

  É óbvio que foi por causa do clipe. Nós sabemos que a Record nada mais é que uma ramificação da  Igreja Universal e que muitas pessoas ligadas a igreja ocupam altos cargos administrativos.

  Em um ambiente cercado de hipocrisia você acha que duas bailarinas de funk iriam continuar trabalhando no RH?

  Elas até poderiam ser demitidas pelo mau gosto dos seus trabalhos. Tirando o belo copo delas masi nada se aproveita nessa porcaria de clipe com esse porcaria de música.

  Confira o clipe que elas participaram, mas advirto. A música é muito ruim.


1 comentário

Postagens mais visitadas