Professora denuncia as péssimas condições de sala de aula e é demitida

A professora que denunciou essa barbaridade foi demitida. É o fim do mundo no país da Copa (Uiliene Araújo)


  O Brasil, incluindo nossa presidenta, lutou por tantos anos contra a ditadura para termos liberdade de expressão (se bem que nenhum grupo armado lutou pela democracia, queriam apenas uma ditadura de esquerda) e agora uma professora da cidade de Imperatriz, no Maranhão, foi demitida depois de divulgar fotos de uma sala de aula cheia de goteiras.

  A professora Uiliene Araújo Santa Rosa já entrou na justiça para rever a decisão de revogação de seu contrato com a prefeitura da cidade e está revoltada com tudo que vem lhe acontecendo.

  Mas isso não é o pior.

  Rapidamente a prefeitura demitiu ela, mas não usou a mesma rapidez para resolver o problema. Os alunos continuam estudando na mesma decadente, e humilhante, condição.

  A cara de pau é tamanha que a diretora da escola disse que ela não comunicou a mesma do que estava acontecendo, porém a professora disse que ela havia sido comunicada e sabia que as fotos seriam publicadas no Facebook, e disse que isso iria "queimar" a imagem da escola.

  A prefeitura não se manifestou, mas é cumplice de tal desrespeito ao demitir a professora e não fazer nada pelos alunos que tem de estudar com guarda chuva na mão.

   É esse o país da liberdade e da democracia presidenta?

  É esse o país que vai gastar milhões com a Copa?

  Desse jeito chegaremos rápido ao fundo do poço, se é que já não estamos nele.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas