Separação de Zezé di Camargo e Zilu tem motivação machista

Machismo falou mais alto na separação de Zezé di Camargo (imagem/Vale Notícias)


  Neste domingo (12) o cantor sertanejo, Zezé di Camargo, anunciou em uma entrevista ao "Fantástico" que está separado de Zílu há 2 anos. Depois de tanto especularem sobre o casamento dos dois, eles resolveram se separar oficialmente depois de mais de 3o anos juntos. Zezé disse que não está na pista e está vivendo mais para si.

  Mas quando digo que essa separação tem como pano de fundo o machismo, e por causa da forma como aconteceu. A relação que teve entre as fofocas e os acontecimentos, digamos, oficiais.

  Quando as fofocas davam conta de que Zezé teria outra estava tudo bem para o cantor. Ele apenas desmentia os boatos, mas não confirmava a separação, ou seja, ficava como o machão pegador.

  Porém quando Zilu resolveu mostrar que também estava vivendo um casamento aberto e que também estava, firme e forte, na pista, ai o cantor resolveu anunciar a separação. Pois de macho pegador passou a corno consentido.

  Isso mostra que o machismo ainda é forte no mundo. Quando fala-se em casamento aberto, geralmente é o homem que fica com outras mulheres, as mulheres, se aprontam, é de forma discretíssima.

  E todo homem gosta da imagem de pegador, mas de corno não.
2 comentários

Postagens mais visitadas