Sou a favor da nova divisão dos Royalties do petróleo

  Em um evento no Rio de Janeiro, que reuniu cerca de 120 mil pessoas, diversos artistas protestaram contra um novo projeto de divisão dos royalties do petróleo (dinheiro pago pelas empresas que exploradoras e dividido entre união, estados e municípios) .

  Até o momento a maior parte dos royalties do petróleo eram destinados aos estados e municípios produtores, porém mudanças que vem sendo discutidas poderiam alterar essa divisão, e isso não tem agradado nem um pouco o Rio de Janeiro.

diariodorio.com
  O estado é um dos maiores produtores de petróleo do país e caso a divisão do dinheiro sofra mudanças só no ano que vem o estado perderá R$ 3,2 bilhões em receita.

  Na verdade essa discussão tem que ser avaliada sobre diversos aspectos, pois o estado que produz sofre consequências ambientais e assim o dinheiro recebido seria uma compensação, porém recebe outros investimentos devido a exploração, as empresas produtoras de instalam no estado e trazem um grande número de funcionários consigo gerando riqueza através de impostos e consumo, então quem produz ganha com isso mesmo sem royalties.

  O problema todo é que os governos ficaram dependentes desse dinheiro para manter sua estrutura estatal, não usaram para investimentos. Ou seja, todo o dinheiro dos royalties vai para sustentar funcionários públicos, estatais e outros ralos de dinheiro público, enquanto os investimentos que deveriam ser feitos para gerar riqueza foram deixados de lado, e ai está o problema.

  Os governos não planejaram nada para que amanhã não precisassem depender dos royalties. Simplesmente deixaram as coisas correr e assim ficam cada vez mais dependentes, até o ponto desse dinheiro ser vital para as finanças do governo.

  A intenção do governo federal não é ruim, pois o petróleo extraído é nacional e não estadual, então porque os estados do norte, centro-oeste ou sul também não podem receber um pouco desse dinheiro? Afinal todos precisam dele.

  Sou a favor da nova divisão. se os estados que agora choram, tivessem usado esse dinheiro da forma correta, hoje nem precisariam dele. A realidade agora é outra e todos tem direito sim, pois o petróleo é uma riqueza nacional.

  Se isso é ruim para os cariocas, só me resta lamentar.
 
2 comentários

Postagens mais visitadas