Gato brilha no escuro depois de experimento

  Um gato geneticamente modificado para testar uma nova forma de tratar o vírus da AIDS brilha no escuro.

  O experimento consiste em colocar em seu DNA uma proteína do macaco e um gene de medusa luminosa para tratar a FIV, versão felina do HIV.

  Mas como consequência do experimento o animal tem pêlos que brilham no escuro.

  Os críticos dizem que deveriam reduzir o número de animais usados, pois dos 22 experimentos somente 5 nasceram e 3 resistiram.

  Os resultados do experimento ainda não foram divulgados mas se der certo eles procurarão uma forma de adaptar o experimento aos humanos.

  Informações e foto do site O Dia Online.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas